Terça-feira, 8 de Abril de 2008

A OFENSA À MEMÓRIA - 148 CAMPAS PROFANADAS

A profanação de 148 campas muçulmanas num cemitério militar do norte de França, esta semana, provocou emoção e indignação, tendo o presidente Nicolas Sarkozy qualificado esse acto de “racismo mais inadmissível que existe". Sarkozy pretende ser informado do seguimento do inquérito judicial, que espera seja rápido, «para que os autores deste acto sejam punidos como merecem» adiantou. 

 

As inscrições descobertas no cemitério Notre-Dame de Lorette, perto de Arras, conotadas com grupos de extrema direita, "visam directamente o Islão e insultam gravemente Rachida Dati", a ministra da Justiça, de origem magrebina, fez notar o procurador da República de Arras, Jean-Pierre Valensi.

 

É evidente que estamos diante de um acto asqueroso, depravado, de agressão e quando agredimos desta forma a memória, estilhaçamos o presente e esvaziamos o futuro. Mais grave que profanar uma campa - mesmo com toda a carga emcional que isso acarreta - e perturbar o descanso dos mortos, é ameaçar e infernizar a vida dos vivos. E são os vivos de agora (e não os de outrora) que este crime pretende ferir de morte.

 

Sarkozy faz bem em querer ver punidos os autores deste crime. Há uma autoridade moral que só se adquire quando estamos dispostos a ver punidos aqueles que cometem tais crimes – mesmo que sejam cometidos contra quem não se inscreve no nosso espaço ideológico. Assim como tem feito bem a Justiça americana ao punir os seus próprios militares americanos desembestados, culpados por cometer atrocidades animalescas, nos diferentes teatros de guerra em que estão envolvidos.

 

Oxalá fosse esse um valor seguido e aplicado universalmente por todas as ideologias, quer políticas quer religiosas.

 Luís Seabra Melancia

Docente da Lic. em Ciência das Religiões

 
Publicado por Re-ligare às 17:07
Link do post | Comentar | Favorito

.Mais sobre Ciência das Religiões

.Pesquisar

.Posts recentes

. Ψυχή, Psychē e Fado

. A PRESENÇA AUSENTE (três)...

. A CULTURA QUE NOS REDEFIN...

. Música e Emoções - Romant...

. Biomusicologia – Definiçã...

. Natal, naTAO

. Encontro com Manuel Frias...

.Arquivos

.tags

. todas as tags

.Links

.Links

blogs SAPO

.subscrever feeds