Segunda-feira, 17 de Agosto de 2009

As reacções "fundamentalistas" a Obama...

              

A imagem pode parecer significativamente má. A montagem, passada rascamente pelo programa de desenho, não deixa de nos fazer sorrir, depois do riso incontido do primeiro momento.

Mas a verdade é esta: alguns meios norte-americanos estão a ser brutalmente manipulados através de uma teoria da conspiração do mais fraco gosto e de pura ingenuidade. E o pior de tudo é que há uma componente religiosa nesta leitura do mundo onde, já não falta, se diz ser Obama o Anti-Cristo, um negro não americano, destinado a destruir essa terra talhada para um destino divino.

Em manifestações pede-se para que Deus o mate. Fazem-se rituais religiosos para que esse demónio seja banido do mundo dos vivos. Apela-se aos mais baixos instintos que o animal humano tem, não se fazendo mais que provar claramente quão mais abaixo estamos na escala evolutiva que um simples símio.

Quando o sentir religioso chega a este patamar, deixa de ser religioso. Não sei bem o que passa a ser, mas recuso-me a apelidar de religioso algo que se nutre dos sentimentos mais reles e desprezíveis.

Isto não é fundamentalismo religioso. É crime.

Vejamos o que o tempo nos dará. Uma coisa é certa: crentes na obtenção do céu, muitos destes radicais cristãos irão, em curto tempo, atingir apenas a prisão.

Diferentes as noções de céu...

                 

                     

                       

Publicado por Re-ligare às 21:50
Link do post | Comentar | Favorito

.Mais sobre Ciência das Religiões

.Pesquisar

.Posts recentes

. Ψυχή, Psychē e Fado

. A PRESENÇA AUSENTE (três)...

. A CULTURA QUE NOS REDEFIN...

. Música e Emoções - Romant...

. Biomusicologia – Definiçã...

. Natal, naTAO

. Encontro com Manuel Frias...

.Arquivos

.tags

. todas as tags

.Links

.Links

blogs SAPO

.subscrever feeds